sábado, 12 de abril de 2008

DJANIRA PIO

MORADA

Meu império não tem endereço.
Mora dentro de mim.
E posso estar
em qualquer lugar.

Um comentário:

líria porto disse...

belo! bravo!
líria porto