segunda-feira, 21 de abril de 2008

IARA ALVES

O TEMPO

na cama
os presentes

os presentes
os ausentes

no vaivém
dos minutos

contados
em segundos

um relógio
acumula
o tempo
vencido

a hora que passa
a hora que chega

a festa
o riso
o choro

a vinda
a ida

a hora da partida