quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Amigos, queridos,

depois de vencer a luta contra o computador, consigo chegar até aqui agora! O danado não me atendia, desde ontem!...

Quero saber quem assistiu o Brasil das Geraes ontem, na Rede Minas, hein??? gostaram??? achei que arrasamos, hehehehe...

Bem...
No último dia deste lindo ano de 2009, deixo pra vocês a mensagem do amigo , poeta, entre tudo o mais, Tadeu Martins, e meu apoio, rs, pois sou mineira também, uai!
Boa virada, pessoal!!! até 2010! Tudo de feliz!!!!
tania

Mensagem de um jequitinhonhense


O Natal passou.
Tá quase na hora de 2009 abotoar o paletó, virar um chano na vastidão do universo.
2010 tá chegando, novo, siligristido, com o embornal cheio de esperança e com as gibeiras cheias de sonhos.
Vamos botar sentido em 2010. Não vamos comer pança, fazendo negaças pra vida, e deixar o cavalo passar arriado. Vamos juntos pegar essa onda. Vamos pegar a estrada da vida com muito juízo, com cartilogência e sem calundú, vamos andar depressa, mas sem pocar os pés e sem relepar as pernas.
Vamos pegar no batente de com força, sem muita madorna, deixar as estripulias de lado, fugir das ingrisias, desprezar os malfazejos e burriscar as 365 folhas do caderno de 2010 com as cores da solidariedade.
Nós do Jequitinhonha não somos de cartear marra ou rotar quibebe, mas sabemos que a vida não dá duas safras e que só produz cinco frutas boas: saúde, trabalho, amor, amizade e diversão.
Então pronto, vamos deixar de bestagem e vamos pongar na cacunda de 2010 com muita disposição e dignidade, dando espaço pra companheirada, e só vamos apiar em 2011, com os alforges cheios das cinco frutas que a vida produz. E ainda haveremos de esparramar as sementes no mundo. Sem panavuê e sem livuzia.
Sejam muitos felizes em 2010!!!! 


Tadeu Martins

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Queridos,

Desejo a todos o Ano Novo mais feliz! Saúde, Paz e Alegria!!!!!!!!


Visitem os blogs indicados abaixo e vejam matérias sobre meu trabalho. E comentem, please!

http://palavradofingidor.blogspot.com/
http://antoniodayrell.blogspot.com/2009/12/antonio-dayrell-antologia-meninos-me.html

http://antologiamomentoliterocultural.blogspot.com/


Aqui, para fechar o ano bem contente, com o carinho dos amigos, uma das msgs recebidas sobre a resenha da antologia Meninos ME:

--Hola Tânia,
(...) tengo el placer de enviarte en adjunto el PDF de nuestra revista con

tus traducciones. También está disponible en la red
(ensentidofigurado.com). Espero que te guste y disfrutes de la lectura.
No me queda más que agradecerte tan fabulosa colaboración y sobre todo
felices fiestas y un próspero año nuevo y que sigas con tanta energía y
proyectos y bueno que no te olvides que en Francia ya te has hecho varias
amigas.
Un beso muy fuerte,
Puerto
(editora da revista literária virtual En Sentido Figurado)
BEIJOS, tânia

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Alguns itens:

Venho reforçar meus votos de que tenham tido, todos, um Natal maravilhoso, pleno de Paz e Harmonia!
E que venha 2010!

Estive tão envolvida com tantas coisas, compromissos de todo tipo, familiares, médicos,etc etc,
exigindo-me total atenção, que se tornou impossível vir aqui mais frequentemente, e peço desculpas.
Mas o coração, estava sempre atento, enviando carinho a todos.

Neste fim de ano conturbado, tivemos várias perdas lamentáveis, entre elas, o querido amigo, também  escritor, mineiro radicado em Brasília, Joanyr de Oliveira, com quem estive, ainda que rapidamente - ele tinha pressa em voltar á capital federal - em julho deste ano, no V Belô Poético, evento organizado por Rogério Salgado e Virgilene Araújo, onde foi , merecidamente, homenageado.

Coisas boas também, aconteceram de montão, como o último Sementes de Poesia do ano, da Regina Mello, lá no Parque Municipal...

como a resenha da última antologia do Mulheres Emergentes, a Meninos ME,
que saiu neste início de dezembro na Europa, na França,
na revista literária virtual en sentido figurado, que os convido a visitar e ler...
Breve a publicarei aqui também.

Uma gostosa entrevista feita comigo pelo amigo  poeta e jornalista, Selmo Vasconcellos, de Rondônia...

E os novos números do ME???? Liiiindos! 76 e 77, ano 20!
Façam sua assinatura anual por e-mail, telefone ou carta.
Ou peçam seu número avulso; ótimos precinhos, hehehe...

Lindas mensagens e maravilhosos votos de Natal e Ano Novo, recebidos,
que aqui agradeço e retribuo, carinhosamente, a todos!

Tem uma matéria sensacional sobre os 20 anos do ME no jornal carioca Plástico Bolha, do amigo Lucas Viriato, e muitas outras coisinhas que contarei depois.

AGORA,

Convido os amigos para o programa
Brasil das Geraes
dia 30 de dezembro de 2009, quarta-feira próxima, na tv Minas
às 19 horas,
quando os poetas
Tânia Diniz, Clevane Pessoa, Marcelo Dolabela e Wilmar Silva
serão entrevistados por Roberta Zampetti,
no aniversário de dez anos da Rede Minas
e a atriz Ana Gusmão interpreta lindamente nossos poemas ,
em um vídeo muito interessante, da produção do programa..

E AGUARDO OS COMENTÁRIOS.

uma beijoca a todos,
tania

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

boas lembranças...

Meu último encontro, antes de sua volta à Argentina, com os amigos Sebástian Moreno e Laia Ferrari (direita), eu, Tânia, ao centro e Cristina Borges, à minha esquerda, semana passada...(nov.09)
                                                               

  ****     ****     ****
meu poema

em corpoárido    seco terreno
ardeste fogueiras, distraído
fez-se fogo farto     fogo-fátuo
e sem ti, anjo torto, corpo traído,
jaz agora
              fogo morto.
                                                          tânia diniz

publicado no jornal Pausa, número 13, de novembro de 2009, pág. 17.

***   ***   ***  
Dois lindos, e ótimos, presentes recebidos:

o livro Musikaligrafia,do amigo Kiko Ferreira e o

livro de estréia, Rastreando silêncio, da amiga Mirian Pinho!

**   **  ** 
Aqui,  março de 2006, vejam o dia 28!

Meu grupo poético, Companhia Poética Estação Platina, se apresentava no Terças Poéticas...
...e em inúmeros outros espaços culturais, na época era formado pelas poetas e amigas:
France Gripp, Livia Tucci, Simone Neves, Tânia Diniz e Tânia Pagano.

UM SANTO E FELIZ NATAL A TODOS!!!!!!! PRÓSPERO 2010!!!......

Queridos amigos,
embora o mundo esteja cheio de aflições, somos maiores do que elas e podemos ser felizes.
Buscando manter a melhor saúde, o equilíbrio emocional, a alegria, a fraternidade e solidariedade, compreendendo e aceitando o irmão, unidos e harmônicos, estaremos no melhor caminho...o do amor universal.
Feliz Natal e muita poesia, sempre!!!!!!

tânia e ME

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Coquetel do I Encontro de Poetas del Mundo em BH, dia 12 de novembro passado,
na linda  Casa da Luz e da Poesia, na Cidade Jardim.
Da esquerda para a direita, Brenda MarquesTânia Diniz, Diva Pavesi, que vive na França,
e Conceição Piló, na noite de poemas e cofraternização...

*   *   *  
Já na noite do dia 20 de novembro pp, eu,
Tânia Diniz, tive o prazer de fazer um bate-papo com alunos da professora France Gripp,
 a turma de Relações Públicas e depois, com a de Serviço Social, na PUC-Minas.
Falamos de poesia , do ME, de meus livros...e conheci poetas ali também.

Foi muito agradável e gratificante, voltei toda feliz com a simpatia e carinho com que fui recebida!




(exposição de MEs ao fundo, e eu falando about...)

a professora France lê um poema...

*   *    *

NA TARDE DE 24 DESTE NOVEMBRO,
Clevane Pessoa, Wilmar Silva , Marcelo Dolabela e eu, Tânia Diniz, gravamos
o programa BRASIL DAS GERAIS, na TV Minas, comandado pela jornalista Roberta Zampetti, que irá ao ar neste final e ano, com data a ainda a ser definida e que contarei logo que souber.
Me parece que ficou lindo, com muita poesia e participação da excelente atriz Ana Gusmão!

***
Em outra noite poética (24 de novembro),
quando de sua apresentação,
no Palácio das Artes, Paulinho Andrade (e seus convidados) e eu, Tânia.

Emerson Freitas , depois de sua apresentação, e eu...


o cantor e compositor Zebeto Corrêa e eu..


o momento de palco de Anderson Novato (esquerda) e Diovvani Mendonça...

e fechando a noite, um café entre amigos: Rogério Salgado,Clevane Pessoa e eu.

Tristeza...

Com muita tristeza, ao abrir meus e-mails na noite de domingo, me deparei com a notícia abaixo.
Alecinho, eu o chamava, sempre foi um grande incentivador do ME.
Minha homenagem  com o belo poema do amigo Rogério Salgado!


Morre o jornalista mineiro Alécio Cunha



Lamentamos a morte do jornalista e camarada Alécio Cunha, 40 anos, ocorrida na noite do último sábado, 28 de novembro. Alécio tinha grande atuação no meio cultural de Belo Horizonte, em especial nas áreas de poesia e literatura.

Colunista do Hoje em Dia, realizou diversas matérias sobre livros, jornais e revistas produzidos em Belo Horizonte e que, sem essa preciosa ajuda, talvez não conseguissem divulgação em mídia impressa.

Também poeta, crítico e tradutor, teve participação em vários projetos, como o "Terças Poéticas", o jornal "Dezfaces" e o jornal "A Parada", dentre outros. Publicou também os livros Lírica caduca (Belo Horizonte: Editora Por Ora, 1999) e Mínima memória (Belo Horizonte: Editora Scriptum, 2007). Participou das antologias Cinema em palavras (1996), O achamento de Portugal (2005), Pelada poética (2006) e Terças poéticas (2006).
                                       (jornal A Parada)

Alecinho deixou viúva, a jornalista Márcia Queirós, e um filhinho de 8 anos, João.
A eles, meu abraço fraterno.


Concerto para lá maior


(entre as nuvens)






Meus amigos estão todos indo embora


eu, por enquanto


vou ficando por aqui


com aquela sensação de vazio


preenchendo-me os poros


as artérias, a alma, os versos.






Revejo catedrais que outrora


pensei um dia, edificar


entanto, o tempo escorre pelas mãos


entra pelos ralos


sem que ao menos, possa segura-lo.






Alguns recitam versos lá


outros cantam entre nuvens


e cá, ficamos nós, desatando nós


nessa insegurança tão imperfeita.






Meus amigos estão todos indo embora


embora seja verdade, devo aceitar


aguardando que um dia


numa viagem menor


eu possa ver estrelas, constelações


e desvendar enfim, os mistérios dessa vida.



Rogério Salgado

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Queridos,

Ouçam um (ou mais) lindo poema de minha amiga
argentina, poeta Nilda Pigazzini
http://www.youtube.com/watch?v=ZwBHASnOWls


Convite
Horário: 2 dezembro 2009 de 19:00 a 21:00
Local: Auditório da Biblioteca Nacional de Brasília
Organizado por: Brenda Marques Pena

A Tradição do Planalto Editora e o Projeto Poemação
convidam para o lançamento do livro de
Brenda Marques Pena: POESIA SONORA
Histórias e desdobramentos de uma vanguarda poética

brendamars.wordpress.com
Contatos: brendajornalista@gmail.com (autora) –
O livro está à venda em Belo Horizonte por R$25,00 nos seguintes lugares:
No Funcionários - Coletivo Contorno (Av.do Contorno 4640 – sala 701, Edifício Picasso em frente ao Hospital Life Center). (31) 32276869
Na Savassi, nas livrarias Scriptum, Travessa e Dom Quixote.
No Centro no Café Kahlua de Belo Horizonte (procurar Rui).
E no site da Editora http://www.tradicaoplanalto.com.br
Ver mais detalhes e RSVP em Instituto Imersão Latina - IMEL:
http://imersaolatina.ning.com/events/event/show?id=4104408%3AEvent%3A1316&xgi=3NYQgAOnDHr1ZE&xg_source=msg_invite_event


Mais uma denúncia:

Holmes Place transmite imagem redutora e discriminatória das brasileiras


CBL / segunda-feira 23 de novembro de 2009
O Holmes Place está distribuindo um folheto publicitário com claro conteúdo sexista em relação às brasileiras.

Nota à Comunicação Social da Casa do Brasil

O Holmes Place, conhecida cadeia de health clubs, está distribuindo um folheto publicitário, que reproduzimos abaixo, com claro conteúdo sexista em relação às brasileiras. Ao descrever os “glúteos perfeitos” como sendo “o segredo das brasileiras”, a imagem que se transmite das mulheres brasileiras é redutora, discriminatória, desrespeitadora e sexista. A leitura do texto e da ilustração do folheto do Holmes Place salta aos olhos: as brasileiras são... belos traseiros.

A Casa do Brasil repudia este tipo de mensagem publicitária, na linha de outras já feitas em Portugal e também no Brasil.

A Casa do Brasil exige o respeito às mulheres brasileiras e, em particular, a todas as imigrantes brasileiras em Portugal.

Os casos de desrespeito às imigrantes brasileiras são muitos, desde os interrogatórios abusivos nos aeroportos, às discriminações e assédios no emprego, na habitação, no quotidiano.

A Casa do Brasil encaminhará uma reclamação formal à Comissão para a Igualdade e contra a Discriminação Racial, órgão competente para julgar casos como este.

Divulgado por
Delasnieve Miranda Daspet de Souza
Embaixadora Universal da Paz - Genebra - Suiça - Cercle Universel des Ambassadeurs de la Paix
Embaixadora para o Brasil de Poetas del Mundo
http://www.delasnievedaspet.com.br/ - www.pantanalms.tur.br - www.lunaeamigos.com.br
http://www.delasnievedaspet.com.br/embaixadora_universal_da_paz.htm
http://www.poetasdelmundo.com/verInfo_america.asp?ID=600
http://grupobrasilmostratuacara.blogspot.com/


                                                   *   *    *

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

25 de Novembro é um dia para lembrar, protestar e mobilizar contra a violência à mulher.

Definido no I Encontro Feminista Latino-Americano e do Caribe, realizado em 1981, em Bogotá, Colômbia, o 25 de Novembro é o Dia Internacional da Não-Violência contra a Mulher. A data foi escolhida para lembrar as irmãs Mirabal (Pátria, Minerva e Maria Teresa), assassinadas pela ditadura de Leônidas Trujillo na República Dominicana.



Em 25 de novembro de 1991, foi iniciada a Campanha Mundial pelos Direitos Humanos das Mulheres, sob a coordenação do Centro de Liderança Global da Mulher,que propôs os 16 Dias de Ativismo contra a Violência contra as Mulheres, que começam no 25 de novembro e encerram-se no dia 10 de dezembro, aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos, proclamada em 1948.


Este período também contempla outras duas datas significativas: o 1o de Dezembro, Dia Mundial da Luta contra a AIDS e o dia 6 de Dezembro, Dia do Massacre de Montreal. Em março de 1999, o 25 de novembro foi reconhecido pelas Nações Unidas (ONU) como o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher.
Informações da Rede Feminista de Saúde

Acompanhe campanhas de ativismo pela não-violência contra a mulher nos sites:
copodeleite.rits.org.br
http://www.campanha16dias.org.br/

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Uma mini galeria de fotos mais recentes...

Durante o evento de Poetas del Mundo e Munap, no Parque Municipal de BH, na leitura da " constituição" do Movimento.
Lívia Tucci lê seu artigo/parágrafo e ainda se vê, ao fundo, Tânia Diniz (já havia lido o seu), Delasnieves Daspet, Bilá Bernardes sendo fotografada por Antonio Dayrell...


aqui, duas imagens da I Mostra Mineira de Haicai Mulheres Emergentes, em outubro/novembro, acontecida no Centro Cultural Vila Fátima, no Barreiro...


Agora, uma idéia do lançamento da antologia Nós na Poesia, no Cozinha de Minas, num excelente almoço de domingo...
eu, Tânia, à direita,  Lívia , de costas, Cristina Carone,...Marta...


Depois de sua apresentação no Terças Poéticas, meu velho amigo Dieter Ross e eu...

no mesmo evento, meu bate-papo  do jornalista português, Rui Tavares, de passagem por BH.

e Iara Abreu, Clevane Pessoa, Tânia Diniz e Lívia Tucci


e a marca do Movimento Poetas del Mundo...

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

amigos,

em tempos difíceis, compareço apenas para agradecer as visitas e lembrar do evento dos Poetas del Mundo, começando aqui em BH amanhã... Compareçam!!!

Também tenho a contar do feliz encontro, cheio de poesia, com os poetas aldravistas, de Mariana- MG, na sua apresentação deste Terças Poéticas, no Palácio das Artes, ontem.
Tive a alegria de abraçar a querida ( e sempre linda) Deia Donadon-Leal, a Hebe Rolla, o J.B.Donadon, o J.S.Ferreira, Gabriel Bicalho...
e os sempre presentes e queridos amigos que frequentam tal evento semanal.

Outras novidades, conto depois...
abração,
tania

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

CONVITE PARA Iº ENCONTRO DE POETAS DEL MUNDO EM BELO HORIZONTE-MINAS GERAIS 11,12,13 DE NOVEMBRO DE 2009.

1º ENCONTRO POETAS DEL MUNDO EM BELO HORIZONTE
Dias 11, 12 e 13 de novembro

O que é o Movimento Poetas Del Mundo?

Iniciou-se em 2005, em Santiago, Chile, pelas mãos do escritor e poeta Luiz Arias Manzo. É o encontro dos povos pela palavra renovada na Poesia. O propósito maior dos Poetas Del Mundo é o de agregar esforços e talentos na inquietude do trabalho contínuo, para a Paz e pela Paz mundial. Unidos em torno deste propósito, buscam clamar e proclamar ideais em defesa do amor, da paz, da humanidade e da vida no planeta, visando o desenvolvimento de ações culturais, com extensões sócio-políticas. Seu manifesto universal é um vigoroso apelo em favor da vida e pela união entre os povos.

Presente em 119 (cento e dezenove) países, o movimento conta com embaixadores nos países membros, cônsules nos estados e municípios e poetas associados, que somam mais de seis mil integrantes.

POETAS DEL MUNDO EM BELO HORIZONTE

Nos dias 11, 12 e 13 haverá uma programação feita com POETAS DEL MUNDO, de várias entidades literoculturais: Clube Brasileiro da Língua Portuguesa, Paz e Poesia, Semente de Poesia, Rede Catitu Cultural, Liber Livros e Mural dos Escritores, Alô Vida, Imersão Latina, Mulheres Emergentes, Munap, da Amulmig, Consulado de Portugal, Elos Clube, CCLB, ACLCL, ALJGR/PMMG, AFEMIL, Curadoria do Palácio da Liberdade, ANELCA, IHGMG, AMI, da Arcádia de Minas Gerais, UBT/BH, Academia Mineira de Letras, Academia de Letras do Brasil e outras.

Público Alvo: Humanistas, Poetas e Artistas do Brasil e exterior.
TEMA: HORIZONTE-ARTE-LETRAS-PELA PAZ- “HALPPAZ”

h-Horizontes infindos

A-Arte que tudo torna capaz

L-Letras em temas bem-vindos

P-Pela busca que faz

P-PAZ transcender, ação refaz

A-Amor universal,

Z-Zelo ao meio ambiente.

                                    ATIVIDADES

Quarta-feira, 11 de novembro de 2009.

18h – Entrega dos Crachás – Cafeteria Palácio das Artes – Subsolo.

Quinta-feira, 12 de novembro de 2009.

09h30min – Academia Mineira de Letras – AML - Rua da Bahia, 1466.

09h30min Recepção e Identificação dos Convidados

Projeção de Vídeos – Poetas Del Mundo – BH – MG, outros estados e países.

10h – Atividades na ACADEMIA MINEIRA DE LETRAS

Abertura

Hinos: Chile – Brasil – Poetas Del Mundo

Cerimonial: Kid Moreira – composição da mesa de trabalhos.

Abertura

Sílvia Araújo Motta – Cônsul Poetas Del Mundo de Belo Horizonte – pela coordenação geral do evento. Presidenta do Clube Brasileiro da Língua Portuguesa. Embaixadora Universal da Paz-Brasil, no Círculo Universal dos Embaixadores da Paz / Suisse / France).

Saudação Bilá Bernardes – Cônsul Poetas Del Mundo de Minas Gerais – pelo Estado de Minas Gerais.

Palavras de:

Delasnieve Daspet – Embaixadora dos Poetas Del Mundo e Secretária Geral para as Américas.

Arias Manzo – Fundador e Secretário Geral dos Poetas Del Mundo – Chile.

Apresentação Musical

Diplomação

De Cônsules e Poetas Del Mundo por Luiz Arias Manzo - Fundador e Secretário Geral dos Poetas Del Mundo; Delasnieve Daspet - Embaixadora dos Poetas Del Mundo para o Brasil e Sub-Secretária para as Américas, Bilá Bernardes – Cônsul dos Poetas Del Mundo em Minas Gerais e Sílvia Araújo Motta – Cônsul dos Poetas Del Mundo da Cidade de Belo Horizonte.

12h às 14h – Almoço livre

14h – Associação Mineira de Imprensa – AMI – Rua da Bahia, 1450.

Abertura

Execução dos hinos da França e Brasil.

Saudação:

Carlos Lúcio Gontijo – Poeta Del Mundo e vice-presidente da AMI.

Palestra:

Liberté, Egalité et Fraternité ecoam em minha alma verde e amarela – Diva Pavesi: Embaixadora Poeta Del Mundo para a França, Embaixadora da Paz no âmbito do Círculo Universal de Embaixadores da Paz, Membro e Delegada da Académie des Artes, Sciences et Lettres,Paris, França; Diretora do Festival de Cannes para o Brasil.

Apresentação Artístico-Cultural

18h – Recepção e confraternização dos Poetas Del Mundo no Museu Arte Cultura - MAC: Manuel Antônio Carvalho – Casa da Luz e da Poesia – Rua Eduardo Porto, 612 – Cidade Jardim – (31) 7811-8362

Projeção de Vídeo.

Apresentação poética dos Embaixadores, Cônsules e Poetas Del Mundo e Convidados.

Apresentação musical.

Sexta-feira, 13 de novembro de 2009.

10h às 12h – Caminhada e visita à Exposição de Esculturas & Semente de Poesia, especial com Poetas Del Mundo no Parque Municipal.

Organização: Regina Mello.

12h – Almoço Livre.

14h às 17h – Passeio à Praça da Liberdade.

18h – Inauguração do Espaço Mix Cultural Liber Livros. Recital com participação de Poetas Del Mundo e Convidados.

Endereço: Avenida Getúlio Vargas, 622 – Savassi – Belo Horizonte.

Encerramento

Escolha dos Membros que redigirão a Carta - Manifesto abordando temas da PAZ – MEIO AMBIENTE – SOLIDARIEDADE ENTRE OS POVOS – VIOLÊNCIA – FOME – POESIA. Os nomes serão apresentados pela Organização do Evento e a Carta – Manifesto deverá ser entregue em até 15 dias após a data do encerramento.

Sábado, 14 de novembro de 2009.

Passeio a Ouro Preto (Opcional).

PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS

* Luis Arias Manzo, poeta Chileno de destaque, criador do Poetas Del Mundo, é grande difusor da poesia a nível Mundial. Voltado completamente aos problemas que afligem as nações, Arias é sempre um olhar firme e cuidadoso que propõe, de forma solidária e humana, mudanças nos contextos cruéis que assolam a humanidade, através da arte escrita, que transcende o lirismo de seus versos.

Um homem que carrega dolorosas, profundas e eternas cicatrizes que lhe foram tatuadas pela brutalidade da vida e que trilhou por caminhos intransitáveis, poderia ser mais um, a despejar por sobre a terra seu sofrimento, no entanto, a voz calma, o sorriso que revela a simpatia e a humildade de quem é do bem, esboçado no semblante sereno, poderia ser o retrato falado, deste Embaixador da Paz! Grande artista e célebre ativista, Arias comunga da dor de muitos e, absorvendo as feridas do mundo, segue derramando as lágrimas da alma, na incansável peregrinação em busca da paz. Sua história de vida impressiona.

Aos 17 (dezessete anos), saiu do Chile, rumo à França, onde permaneceu por 12 (doze anos) exilado, entre o período de 1973 a 1991, quando regressou a Santiago, no Chile e instalou a La Librería Apostrophes, uma livraria especializada na difusão e venda de livros em Francês, no centro da Cidade. A riqueza do conteúdo que brotou das experiências marcadas pelos tempos de exílio vai se tornando uma simples conversa, em uma fascinante viagem pelo tempo ou uma aula à parte, se a atenção desviar o percurso, mas, sempre, regado a uma generosa dose de cultura.

Autor de vários livros, premiadíssimo, em diversos países, Arias Manzo faz dos seus dias e do novo ou velho tempo, uma luta incansável na busca incessante da justiça, da solidariedade, da igualdade, e, acima de tudo, da Paz.

Diplôme de Médaille d´Argent pela Académie Arts Sciences Lettres, Paris, França ( 2009)..

* Delasnieve Daspet - Humanista - figura importante no cenário brasileiro, seja pela Literatura, pelo Direito ou pelo ativismo em causas da paz, sociais, culturais e ambientais. Delasnieve Daspet é um marco de uma nova era, onde competência, seriedade, determinação, ética, talento e benevolência, são alguns dos ingredientes que a diferencia; razão pela qual, trilha uma carreira brilhante numa vida plena de sucessos.

Embaixadora para o Brasil e Sub-Secretária para as Américas do Movimento Poetas Del Mundo, e Embaixadora Universal da Paz, no âmbito do Círculo Universal dos Embaixadores da Paz (Cercle Universel Des Ambassadeurs De La Paix – Suisse / France), poeta premiada nacional e internacionalmente.

Diplôme de Médaille d´Argent pela Académie Arts Sciences Lettres, Paris, França ( 2008), e, Nósside 2009 – “ Mencionada “ no Prêmio Internacional de poesia Nósside em Réggio Calábria - Itália.

Daspet é profissional nas áreas dos direitos humanos, direitos sociais, solidariedade, meio ambiente, pela dignidade do homem, atuando com ações voltadas para a promoção de uma cultura de paz - em prol do homem e da humanidade - sempre com e pela poesia, sendo indubitavelmente, um referencial a ser seguido.

Residente em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, exerce a profissão de advogada, participando ativamente de diversas e importantes comissões e conselhos, como: preside a Comissão de Direitos Humanos da OAB/MS e o Fórum Estadual de Cultura – FESC/MS, Conselheira Estadual e Municipal de Assistência Social e de Cultura.

* Diva Pavesi é brasileira nascida em São Paulo-SP é naturalizada Francesa, vive na Europa, há 21 anos. Atua como produtora cultural e curadora na Europa, onde se mantém em efetiva atuação, há mais de 22 anos.
É presidente da ONG Cultural Franco-Brasileira DIVINE PRODUCTIONS INTERNACIONAL, que está completando catorze anos, dedicados à promoção do Brasil nas Artes e Cultura, promovendo personagens dessas áreas e no turismo, na França e Europa, bem como realizar atividades culturais em prol de uma missão de solidariedade às crianças carentes do Brasil e da África. Foi nomeada Embaixadora Universal da Paz, no âmbito do Círculo Universal dos Embaixadores da Paz (Cercle Universel Des Ambassadeurs De La Paix – Suisse / France).

Jornalista, colaboradora do Jornal da Académie des Arts Sciences et Lettres, Paris. É diretora e fundadora de jornais e revistas, tais como “PALOP” (Portugal / France), entre outros. Representa a REBRA - Rede de Escritoras Brasileiras e é Delegada da Académie Arts Sciences Lettres, coroada pela Academia Francesa. Recebeu, em 2003 e 2004, pela Académie Arts Sciences Lettres, a Medalha de Vermeil e de Ouro, pelos relevantes serviços prestados à Cultura.

Contatos


Sílvia Araújo Motta.(Coordenação Geral) (31) 9928 – 2798


E-mail: silumotta@hotmail. com


Bilá Bernardes: (31) 9128 – 7347 E-mail: bilapsi@gmail. com

---***---

sábado, 31 de outubro de 2009

Amigos,
a notícia triste é que acabei de saber que ontem, 30 de outubro de 2009, perdemos mais um grande artista!
O conhecido artista plástico Fernando Fiúza, que fez a capa da Coleção Milênio (2001) do Mulheres Emergentes, de saúde frágil, nos deixou ontem, aos 56 anos.
Nossa homenagem!

O lado mais feliz do dia, é o lançamento, hoje, da antologia Nós na Poesia, org. de Brenda Marques (IMEL) pela editora All Print, em São Paulo.

e...
Gente,
se procurarem por aqui, me acham:

O endereço do blog é: jornalpausa.com.br/blog
E a edição impressa vc pode ver como ficou aqui: http://issuu.com/pausa/docs/pausatreze
 
BOM FERIADÃO!!!!!!

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Alguns momentos do Sarau Mulheres Emergentes , dia 19 de outubro!

Algumas fotos já recebidas, do Sarau, com exposição ME, em cliques da Lívia Tucci e Antonio Dayrell.

o poeta Wellington Kallil e eu, Tânia
a poeta e escritora de livros infantis Iara Alves e eu...

a apresentação do poeta Ronaldo Zenha...

a bela Regina Mello, com uma rosa do Boi Rosado, oferecida por S.Iabá, e eu...

o amigo poeta, performer, etc, etc, Wilmar Silva e eu...

os amigos Carlos Alberto Reis, diretor do Conservatório e o artista plástico Severino Iabá...

e, em outro dia e evento,
um beijinho doce...que ganhei do amigo poeta e performer Milton César Pontes (residindo em Brasília, atualmente), depois de teeeempos sem nos vermos,rs

até mais!!!!

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Dia 20 de outubro é dia nacional do Poeta!!!!!

E quero deixar aqui meu beijo carinhoso de parabéns a todos os poetas que, como eu, batalham pela Poesia em todas as frentes possíveis, levando o Belo às pessoas.

Em especial, parabenizo e agradeço aos meus queridos poetamigos presentes ontem no Sarau ME, ocorrido no Conservatório Mineiro de Música, na avenida Afonso Pena.
Apesar da forte chuva que caiu no mesmo horário, foi um ótimo encontro, e pude confirmar a generosidade e solidariedade de todos. Foi denso, belo e aconchegante!
Tão confortante pra mim, as presenças, que me sentia em casa (e eu não tenho andado muito bem  nestes dias, receei não conseguir!..).
Claro, também sentimos as ausências mas, compreendemos que as coisas se complicaram com a chuva.

Com perdão dos demais, gostaria de citar alguns que tornaram o momento ainda mais grandioso, com sua arte, oe/u com seu generoso apoio, e aguardo - pra variar - as fotos, rs

A música de fundo todo o tempo, e sua apresentação individual, do excelente músico, Cristiano Braga.
A delicadeza do artista plástico Severino Iabá, que ofereceu lindas rosas do seu Boi Rosado em homenagem aos 20 anos do ME.
A performance inusitada e espetacular apresentada por Regina Mello e Wilmar Silva.
O show da poeta e cantora Lívia Tucci, nos improvisos de blues, com o músico Cristiano.
O buffet do Restaurante D. Preta, via Cláudio Márcio Barbosa.
O garrafão do bom vinho oferecido pelo Rogério Salgado.
E Simone Neves, Brenda Mars, Iara Alves, Wanda Mouthé, Olga Valeska, Ana Carol, Antonio Dayrell, Ronaldo Zenha, Wellington Kallil, Julião, Carlos Alberto M. Reis, diretor da casa, Vívian, tbm de lá....
enfim, o meu agradecimento e cumprimento se estende realmente a todos, que foram, ficaram, passaram, tentaram, incentivaram...

domingo, 18 de outubro de 2009

Aproveitando o belo texto do amigo Sérgio Bernardo...

já que ando daquele jeito...rs ....(obrigada, Serginho!)


Duerme, negrita...*


O que a latinidade e a arte em prol da igualdade social jamais pensaram que pudesse acontecer, de repente aconteceu: La Negra calou sua voz. “Si se calla el cantor, calla la vida” (“se o cantor se cala, cala-se a vida”), diz um dos versos da poesia musicada que ela nasceu pra espalhar. E a gente naquele 4 de outubro viu que é verdade, ainda que o canto de Mercedes Sosa hoje continue em LPs, cassetes (muitos remanescentes do tempo em que eram gravados de maneira clandestina, nos anos duros da ditadura), CDs ou através da internet. O mundo, já tão pobre de bons cantores e música de qualidade, perde mais um de seus grandes valores. “Duerme, negrita”... que o teu eco está em campo. [S.B.]
* Alusão a Duerme, negrito, grande sucesso de Mercedes Sosa

Este e outros textos, dicas, agenda cultural e vai por aí você encontra no blog http://veiculoexpresso2222.zip.net    Pode acessar, é indolor.

E hoje tem almoço-sarau da antologia Nós na Poesia, organização de Brenda Marques, lá no Cozinha de  Minas, gente! vamos lá....

E amanhã, nós - ME - no Conservatório Mineiro de Música, 19 ás 22hs, entrada pela r. Guajajaras , 100!

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Umas notícias...

Finalmente algumas fotos do dia do lançamento do poeta Antonio Dyarell.

eu, Tânia, ao chegar...
de pé, minha amiga de infância, a jornalista Sônia Veneroso e eu...


e as queridas Bilá Bernardes (ao meio), Brenda Marques e eu...e a antologia Nós na Poesia, nas mãos...


                                                    nós de novo, mais de perto, rs...

...

Com grande susto,
soube ontem, que o amigo, poeta, jornalista e grande incentivador das artes,
Alécio Cunha,
(do jornal Hoje em Dia)
encontra-se hospitalizado depois de sofrer grave avc!
Ainda jovem o amigo vem sofrendo graves problemas de saúde há alguns anos e agora isso!
Rezemos e mentalizemos todos para sua breve e perfeita recuperação!

...
A amiga poeta e jornalista, Brenda Marques Pena convida para o evento organizado por ela,
'Lançamento do livro Nós da Poesia com Festa Latina' em Instituto Imersão Latina - IMEL
Horário: 18 outubro 2009 de 12:00 a 17:00
Local: Restaurante Cozinha de Minas
Nesse domingo você tem um encontro marcado com a poesia e artes no lançamento do livro Nós da Poesia! Participam da primeira antologia organizada pelo Instituto Imersão Latina mais de 30 poetas e ativistas culturais. Haverá também música, exposição de quadros, fotos, gravuras e desenhos. Imperdivel. Mais informações no blog do IMEL: http://www.imersaolatina.blogspot.com/...
...

Eu, Tânia Diniz, MULHERES EMERGENTES e os autores,
convidamos para o Sarau ME, que relançará as antologias ME 18 (só de mulheres) e Meninos ME (masculina) ,para seguir comemorando os 20 anos do ME.
Dia 19 próximo, segunda-feira, de 19 às 22hs, no Conservatótio Mineiro de Música, entrada pela r. Guajajaras, 100.Quase esquina da av Afonso Pena...

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Dia 05 de outubro, no Bar da Dalva,

aconteceu o lançamento do belo livro
Poesia para  parar o tempo,
do nosso menino ME, Antonio Dayrell!

A poesia parou mesmo o tempo
para felizes encontros, como o meu com a colega de infância (nunca mais vista), a jornalista Sônia Veneroso, da amada cidade de Santo Antônio do Monte. Uma alegria só....

Com lindas ilustrações da querida Iara Abreu, o livro foi feito artesanalmente pelo próprio autor e, para meu orgulho, na página 41, tem poema oferecido a mim!!!!
vejam:

Haicai Pleno

subir o cume da montanha mais alta
olhar o mundo lá embaixo
e não se sentir somente só.

antônio dayrell

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Ontem à noite

no Palácio das Artes, depois da bela apresentação de poemas da professora e escritora, Guiomar de Grammont, em click de Regina Mello,

ela, e eu, Tânia...
e aqui nós: Wilmar Silva (mostrando seu botton ME) , Guiomar de Grammont e eu, Tânia Diniz

E de manhã, recebi mais um ótimo e-mail:

Querida Tania:


Gracias por tu participación. Tu poema fue expuesto en la pared de una de las salas de la Biblioteca Pública de Fredericton y el público tuvo acceso a la exposición. Luego tuvo lugar el Recital, y tu poema fue incluído en la lectura.
Te agradezco muchísimo tu generosa respuesta a la convocatoria.
Juntos celebramos este importante Día Internacional de la Paz.
Un abrazo,
Nela
(Nela Rio - Canadá/ evento poético sobre a Paz)

Na próxima semana esperamos todos vocês :

Convite

POESIA PARA PARAR O TEMPO
o livro
de Antônio Carlos Dayrell
Ilustrações de Iara Abreu
Dia 05 de outubro (segunda-feira) – 19 horas
Local: Dalva Botequim Musical
Rua Ceará, 1568 – Savassi (Praça ABC)
Belo Horizonte
Visite: http://poesiaparapararotempo.blogspot.com/2009/09/poeta-antonio-dayrell-lanca-dia-0510.html

E continua a exposição de poemas ilustrados sobre a cidade, Aspectos Urbanos, de Iara Abreu, ali na rua Carangola, na Biblioteca Pública Infanto-Juvenil... visitem....

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Cia.Poética Estação Platina...

se apresentando no projeto Poesia na Praça, 18 de setembro, 15hs...

Tânia diniz ao microfone...
france gripp, lívia tucci e tânia diniz...com rogério salgado atrás do banner, rs!!!!!

sábado, 19 de setembro de 2009

ontem e hoje...

Recebi alguns e.mails que não poderia deixar de dividir com vocês!

Ao receberem os exemplares, do Mulheres Emergentes no. 74, e da antologia Meninos ME, seus poetas apresentadores, com lindos textos, todos dois!, me escreveram o que coloco abaixo:


14/set/09 - Caio Junqueira Maciel :

ei, tânia, muito obrigado pela remessa da antologia, ficou bonita, e merece um haicaio:
Em minas
a poesia instântanea
ressoa na montânia
*
17/set/09 Affonso Romano de Sant´Anna:

Tânia, você é uma mágica, a edição dos " homens" ficou ótima,
e esse ME com o" sensual" está um tesão estético.
Dificil dizer qual a melhor. A Cida Pedrosa então, arrasou.
bjs

e vai daí que hoje, 19/set., me chega esse:

Tânia, não resisti e botei ME e o poema da Cida no meu site-blog:
www.affonsoromano.com.br
CLIQUEM E VEJAM LÁ QUE LINDO FICOU!!!!

E ontem foi assim...

...uma tarde super divertida, quando as amigas France Gripp, Lívia Tucci e eu, Tânia Diniz, nos apresentamos como a Companhia Poética Estação Platina lá no projeto do poeta Rogério Salgado, Poesia na Praça, na Praça Sete, coração de BH.

Mostramos nossos poemas ao público que passava, parava, interagia...

Teve ainda a apresentação do poema dramatizado Cinco Sentidos, de Virgilene Araújo, apresentado pela própria autora tbm.

Apesar do calorão, foi uma deliciosa tarde. Em breve, receberei e mostrarei algumas fotos.

E na manhã deste sábado, 19 de setembro, aconteceu na movimentadissima Livraria Travessa, praça da Savassi, em clima de alto verão (!!!) o lançamento de vários números do jornal DEZFACES, do grupo do poeta e professor Camilo Lara, em cujo número de agosto, finalizando a série de vários sobre haicai, na coluna do poeta Carlos Augusto Novais, eu, Tânia, organizei a mini antologia desses poemas... , vale a pena ler!

Bom fim de semana!!!!!!

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

algumas fotos...

o poeta portugês João Ventura e eu, quando de sua excelente apresentação no Palácio das Artes...

e o poeta Fabrício Carpinejar e eu, Tânia, no mesmo dia...


E os bastidores das gravações...

Aqui em casa, durante as gravações para o Imagem da Palavra (sobre haicai), Tv Minas, parte da equipe: Marcelo e Guga, e eu...



Já, abaixo, durante as gravações do Agenda, também Tv Minas, sobre os 20 anos do Mulheres Emergentes, a repórter Mariana e eu...



quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Amigos,

abaixo o link do vídeo do

programa Agenda,
da Tv Minas, dia 07.09.09,
sobre os 20 anos do Mulheres Emergentes:

http://www.youtube.com/watch?v=y0_BrCsPq7M

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Nós da Poesia reúne autores em ato poético pela Paz na Bienal do Livro, no Rio de Janeiro!

Depois do lançamento do Mulheres Emergentes e das

Antologias ME 18 (de 2007, festejando os 18 anos do ME) e

Meninos ME (2009, pelos 20 anos ME), amanhã,

dia 10 de setembro,
comemorando o Dia da Imprensa Alternativa,
no mesmo estande e horário ,
no dia seguinte seguimos em festa com

o lançamento da nossa antologia "Nós da Poesia"
na Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro,
dia 11 de setembro, de 20 às 22 horas, no estande da All Print editora
(Pavilhão 2 - Laranja Rua B).


Programação:http://www.allprinteditora.com.br/site/bienal-prog.html.
Mais informações, endereço da Bienal e ingressos em:
http://www.bienaldolivro.com.br/

Faremos um sarau durante o lançamento do Nós da Poesia com o nome: "Ato poético pela paz" com noite de autógrafos.

11 de setembro é um dia para lutar pela paz no continente americano. Foi nesse dia quando a ditadura militar de Pinochet se instalou no Chile de forma sangrenta, em 1973 e mais recente, em 2001, milhares de pessoas morreram durante os ataques às torres gêmeas, em Nova York, Estados Unidos.
Nós, poetas da Paz e da Poesia acreditamos que não há motivo para se travar guerras, a pulsão de vida do amor deve se sobrepor a da morte, que espalha tanta violência. Escolhemos a força construtiva dos pacificadores.

Autores da antologia por ordem alfabética:
Angela Togeiro, Aníbal Albuquerque, Avelin Rosana, Bilá Bernardes, Brenda Mars, Carmem Cristal, Cláudio Márcio, Clevane Pessoa, Dimythryus, Filipe Marks, Graça Campos, Helenice Rocha, Iara Abreu, JéssicaAraújo, Karina Campos, Lívia Tucci, Lucas Guimaraens, Luciana Campos, Luciana Tannus, Luiz Lyrio, Marco Llobus, Maria Moreira, Marta Reis, Nina Reis, Neuza Ladeira, Regina Mello, Rosângela Ferris, Silvia Motta, Soninha Porto, Tânia Diniz, Rosa Pimentel, Roberto Bianchi, Terezinha Romão, Vagnér Santo e Vicente Ferrer.
A montagem fotográfica ao lado foi feita por Bilá Bernardes, Cônsul de Poetas del Mundo de Minas Gerais, que também revisou o livro junto com Clevane Pessoa e Brenda Mar(que)s (organizadora da edição).

A ilustração da capa é criação da artista plástica Iara Abreu e arte final Coletivo Contorno.

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

neste setembro...

antes da primavera chegar, convido vocês a assitirem minhas pequenas entrevistas gravadas para a Rede Minas:

Uma, sobre haicai e Bashô, no

programa IMAGEM DA PALAVRA, neste domingo, dia 06,
e que reprisa na terça , tipo 13hs, e no outro sábado e
onde está também Estrela Ruiz Leminski.

E outra, no AGENDA, que irá ao ar na segunda,

dia 07, à noite, às 20.30hs, se não me engano...

sobre os 20 anos do Mulheres Emergentes e o lançamento da Antologia Meninos ME.


E ainda, no dia 10,
na Bienal do Livro no Rio de Janeiro,
ME e antologias estarão presentes.
stand da All Print.

No dia 12, farei palestras , pela manhã, para diferentes turmas de estudantes
da Escola Alternativa, aqui em BH
mas, ME e antologias estarão presentes na Bienal de Brasília,
gentilmente levados pela poeta Clevane Pessoa.

Não nos esquecendo de que dia 18,
no projeto Poesia na Praça, de Rogério Salgado e Virgilene Araújo,
me apresento com a Cia. Poética Estação Platina, na Praça Sete, a partir de 15hs

e

antes, às 13:40h , já terei me apresentado no Revista da Tarde, de Deborah Rajão, Rádio Inconfidência AM 880, como sempre acontece na Tarde Poética que ali coordeno, sempre às 4as - com um convidado - e 6as-feiras, eu mesma no ar.


E já no dia 1/09, na apresentação da poeta e jornalista Brenda Marques no Palácio das Artes...
num clique da Regina Mello, o momento em que eu recebia a homenagem do Wilmar Silva!!!!
são tantas emoções...


já nesta foto de Livia Tucci, meu encontro com a linda cantora e atriz brasileira, que vive em Paris e embarcava de volta no dia seguinte, Iara Kelly.

E não deixem de assistir o novo programa MENTE ABERTA (tv cnt), clicando no link abaixo. Recomendo! Adorei! Pra quem gosta de coisas novas e de mistério... http://www.youtube.com/programamenteaberta?gl=BR&hl=pt

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

PRESENTE dos deuses !!!!!?

Com total surpresa, recebo email da cidade de Billère, na França, de uma pessoa que não conhecia e que me pede a Antologia Meninos ME, para uma resenha.

E depois de me explicar que meu trabalho é acompanhado por lá, a professora Puerto Gómez Corredera comenta que, como certamente, eu saberia, a Antologia ME 18, de 2007, pelos dezoito anos do ME, fora resenhada na revista Caravelle, da Universidade de Toulouse -le Mirail !!!!!!
Eu não sabia.

E eis que, gentilmente, ela se comunica com Toulouse e recebo, tbm e ainda, por email, a resenha...
uma gentileza da também professora Cristina Duarte, de Toulouse.
Assim, aí está o texto no original, francês, pra vocês terem uma idéia....
au revoir!


Tânia DINIZ (org.) Antologia ME 18, Belo Horizonte, Edições Alternativas, 2007, 112p.

Le mouvement esthétique Mulheres Emergentes (ME), créé par l'écrivaine Tânia Diniz, a démarré il y a plus de dix-huit ans et avait pour projet initial la publication de poèmes sous forme d’affiches. Ce genre de diffusion visait à insérer la poésie féminine dans une durée plus longue à travers sa présentation dans des lieux publics : expositions, bureaux, places, écoles… Les poèmes ainsi montrés pouvaient être lus et relus dans un contexte totalement différent de celui, plus classique, de la diffusion sous forme de livre. Dans sa préface de la présente anthologie, Constância Lima Duarte rappelle que le titre "Femmes Émergentes" a été emprunté à l'américaine Nathalie Rogers. Dans les années 80, cette psychothérapeute préconisait la libération créative et émotionnelle par la prise de conscience de soi et l'utilisation de l'expression artistique comme partie intégrante du processus thérapeutique.
Presque deux décennies plus tard, l'élan créé par Tânia Diniz est toujours dynamique et vivant et le ME 18 poursuit plus que jamais sa "mission poétique". Récemment, des panneaux de poésie ont été exposés à la gare routière de Belo Horizonte, du 14 au 25 novembre 2008.
Avec ce volume, Mulheres Emergentes propose une anthologie très représentative de l'actuelle poésie féminine brésilienne et fortement marquée par l'intertextualité. Quarante-une auteures de différentes régions du pays participent à l'ouvrage, dont la plupart d'entre elles sont originaires de l'État du Minas Gerais. Cela n'est pas anodin car lorsqu'on conjugue au Brésil poésie et Minas Gerais, le nom du grand poète Carlos Drummond de Andrade surgit instantanément. Et les participantes du recueil semblent lui rendre hommage dans plusieurs poèmes. Par exemple, dans le très beau "Família" où Nazareth Fonseca fait clairement référence au texte "Enfância" de Drummond. Les vers de la poétesse : Meu pai sonhava cavalos,/Minha mãe fazia caldos,(…) ne vont pas sans rappeler ceux du poète : Meu pai montava a cavalo, ia para o campo, / Minha mãe ficava sentada cosendo. Micheline Lage, née à Itabira, ville natale de Drummond, décline également ce même héritage dans "Escombros" : Na fazenda da vovó / os baús de velha madeira / guardavam os segredos das mulheres: (…), qui dialogue avec "Visita à Casa de Tatá" du poète.
L'inspiration d'autres écrivains réputés de la littérature brésilienne peut être également repérée dans la présente anthologie : Manuel Bandeira et son poème "Les trois femmes du sabonete Araxá", dans le très suggestif "Poema das Três Mulheres" de Dóris Araújo. Ou encore Ana Cristina César dans plusieurs textes de Eliane Accioly ("A Morte du Gato", "A Surpresa") et dans le très original "Carta Gelada 2" de Iara Alves, qui semble s'inscrire dans la lignée de la Correspondência Completa de l'auteure carioca.
Et justement, l'intérêt du présent ouvrage réside dans cette relecture originale des poètes renommés, ainsi que dans l'agréable mélange entre sérieux et trivial, entre éternel et quotidien. Ana Carol Diniz, par exemple, peut aussi bien poétiser un aspect banal de la culture brésilienne — ses préjugés sur les performances sexuelles des Japonais ("Paralelos") — que la difficulté existentielle à tourner la page en amour ("Desejava vê-lo…"). Nazareth Fonseca versifie aussi bien le linge de maison sur les étendages ("Trivial 1") que la monotonie de la vie ("Projeção"). Et Débora Novaes de Castro décrit avec concision et finesse une situation en principe dépourvue de poétique dans son court poème "Incoerência" : A tartaruga / chegou./ O passageiro /do avião / não!
Un certain air classique d'outre-mer parcourt également l'ensemble des textes. Il y a quelque chose du Portugais Mário de Sá-Carneiro et de son poème "Dispersão" (Perdi-me dentro de mim/ Porque eu era labirinto) dans "Andarilha" de Débora Novaes de Castro : Caminho dentro de mim… Le grand Camões (Amor é fogo que arde…) est présent de façon implicite dans la définition que Elza Ramos Amaral propose des poètes, dans le seul sonnet de l'anthologie : Ser poeta é habitar um mundo diferente. Ces vers font également écho à ceux de Fernando Pessoa en "Autopsicografia" : O poeta é um fingidor / Finge tão completamente / Que chega a fingir que é dor / A dor que deveras sente.
Plusieurs auteures vont s'inspirer de la tradition japonaise des haïku, ces petits poèmes classiques composés de dix-sept syllabes réparties en trois vers : le premier et le troisième sont pentasyllabiques ; le deuxième est heptasyllabique. Sans rime ni titre, ces compositions courtes vont surtout mettre en valeur la nature. C'est le cas de Clevane Pessoa de Araújo dans "De ovos e de passarins" ; ou encore de Débora Moraes de Castro avec ses haïku en style moderne qui n'adoptent pas toujours la rigidité formelle préconisée : broquel / lua branca se insinua / broche no céu.
Par ailleurs, cette anthologie de poèmes de femmes élargit la féminité jusqu’à la maternité car, à trois reprises, on peut y trouver, ensemble, mère et fille. Les poèmes de Leticia Naveira, fille de Raquel, sont d'une très grande force lyrique, comme ici les derniers vers de "Crise" qui font allusion au lait, élément maternel par excellence : Deite-se e me aceite,/ Derrama-me leite / Estarreça /E depois adormeça. Micheline Lange est plus explicite dans "Fios", poème qu'elle dédie aux femmes de sa vie : As mães lavadeiras / Roceiras / Doceiras / Rendeiras / Sabem bem o que é um filho (…)
Pour les participantes de "Mulheres Emergentes", la poésie se trouve partout, chez tous les gens, pas uniquement chez les poètes. Elle peut être le fait de médecins, avocats, étudiants, femmes au foyer… D'ailleurs la grande variété d'horizon professionnel des poétesses du recueil est la meilleure illustration de cette posture vis-à-vis de l'art poétique.

Cristina DUARTE, Université de Toulouse-le Mirail

Uma oportunidade mais que interessante, poetas!!!

inscrevam-se até 30 de setembro:



Acesse o regulamento nos sites www.paoepoesia.org e www.iaprender.blogspot.com

a festa de ontem

foi uma delícia de se ver e, principalmente, ouvir!

Foi uma interessantíssima apresentação do trabalho de Brenda Marques, nos jardins internos do Palácio das Artes, e que teve a participação de vários poetas, inclusive a minha modestíssima contribuição.

Para minha surpresa e orgulho, na abertura do evento, antes de iniciá-lo propriamente, recebi uma emocionante homenagem-elogio do curador do evento e amigo poeta, performer, etc, etc...Wilmar Silva que, além de belas palavras ao meu trabalho ME, chamou-me ao palco e ainda presenteou-me com lindos livros de sua editora, os quais to doidin pra ler, rs.

Muito obrigada, Wilmar e público, pelo carinho!

claro, aguardo receber as fotos pra mostrar, rs... ufa! um dia eu melhoro nisso... rs

Tive também oportunidade de abraçar e me despedir da amiga, artista plástica Eliane Velozo, desejando-lhe sucesso para seus projetos na Europa, para onde está partindo por uns meses, amanhã.

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Poesia Sonora de Brenda Marques

Poesia Sonora de Brenda Marques será lançado hoje no Terças Poéticas.
O projeto de leitura, vivência e memória de poesia Terças Poéticas – realização da Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais, parceria entre Suplemento Literário e Fundação Clóvis Salgado, apoios culturais Rádio Inconfidência e Rede Minas de Televisão –,
recebe nesta terça poética, 01 de setembro de 2009, às 18h30,
nos jardins internos do Palácio das Artes, entrada franca,
a poeta Brenda Mars,
em homenagem ao poeta Philadelpho Menezes.

Com as participações especiais dos poetas

Clevane Pessoa, Tânia Diniz, Lívia Tucci, Jovino Machado, Bilá Bernardes, das bailarinas Dani Lopes e Silvana Lopes, da compositora e atriz Iara kelly e da cantora Lívia Tucci.

BRENDA MARS
A Poesia Sonora é reverenciada no Projeto Terças Poéticas com lançamento de livro, homenagem a Philadelpho Menezes e Ritual da Mulher Poliglota.

A poeta, multifacetária, Brenda Mar(que)s Pena lança Poesia Sonora: história e desdobramentos de uma vanguarda poética. O livro publicado pela coleção Dissertar da Editora Tradição Planalto, de Belo Horizonte é fruto de dissertação de mestrado defendida na UFMG em 2007.

Durante o lançamento haverá homenagem ao poeta Philadelpho Menezes, autor junto com Wilton Azevedo do primeiro CD de poesia hipermídia do Brasil.

Para encerrar haverá uma apresentação performática dowork in progress O Ritual da Mulher Poliglota, de Brenda Mars.

Brenda Mar(que)s Pena nasceu em Belo Horizonte, Minas Gerais, em dia de folia de Reis, 06 de janeiro de 1981. Enveredou-se pela escrita literária aos 12 anos e aos 14 foi destaque em prêmios de crônica, conto e poesia e passou a integrar o Clube Literário de Brasília.
Formada em jornalismo pelo Centro Universitário de Belo Horizonte com mestrado em Literatura e outros sistemas semióticos pela UFMG,
este ano de 2009 lança seu primeiro livro individual: Poesia Sonora – histórias e desdobramentos de uma vanguarda poética, resultado de sua dissertação concluída em 2007.

by Clevane Pessoa

domingo, 30 de agosto de 2009

Notícias !!!

Um momento descontraído durante o lançamento da Antologia Meninos ME, nesta sexta-feira passada, dia 28 de agosto 09.

À esquerda, na parede de vidro da Livraria Travessa , a mini exposição do Mulheres Emergentes que ali permanecerá por cerca de um mês.
E da esquerda para a direita, alguns autores e eu:

Sandro Starling, de BH ; eu, Tânia Diniz, atrás de mim, Sérgio Bernardo, do Rio; de preto, Ednei Di Moreira, de Sabará, MG; de azul, Gabriel Bicalho e J.S.Ferreira, de Mariana- MG. Na minha frente, abaixados, de branco, Kiko Ferreira, BH; Lucas Guimaraens, de BH mas residindo em SP e Olegário Alfredo, BH.
aqui, Maria Clara Segobia, poeta e amiga, representante do ME em Porto Alegre, e eu, durante o V Belô Poético, em julho/09.

A linda capa da antologia Nós da Poesia, organizada por Brenda Marques e Clevane Pessoa, pela editora All Print, da qual faço parte e que será lançada dia 10 de setembro próximo na Bienal do Livro , no Rio de Janeiro.
(se procurarem, estou na segunda fileira, de baixo pra cima, rs, segunda á esquerda.)

Chau!
tânia