domingo, 18 de abril de 2010

Desafiadora Novidade!!!!

I CONCURSO INTERNACIONAL DE LENDAS E POESIA
           MULHERES EMERGENTES (ME) - 2010


Seguindo a programação de celebração dos
21 anos do mural poético ME, neste ano de 2010,
a poeta e editora Tânia Diniz, lança o
I CONCURSO INTERNACIONAL DE LENDAS E POESIA MULHERES EMERGENTES,
um desafio aos escritores para a criação de lendas sobre qualquer tema.

Lenda s.f.
1. narrativa fantástica.
2. narrativa popular vista como fato histórico, mas sem comprovação.
                      (Minidicionário Houaiss da Língua Portuguesa/ Editora Objetiva, RJ, 2004, 2ª edição – revista e aumentada)

exemplo:
Uma Lenda
Era uma menininha de pele esverdeada e hábitos singulares.

Vagava pela floresta sempre só. Gostava de balançar-se nos cipós, subir nas árvores e implicar com os macacos.

Pendurava-se nos barrancos à beira dos rios para ver a correnteza e os peixes. Às vezes seus longos cabelos tocavam as águas.

E chorava. Chorava sempre, por tudo e por nada. Por um bichinho interessante, pela gostosa brincadeira, pela linda flor, por um arranhão no espinho, pelo por-do-sol, pela luz da lua. O verde de seus olhos boiava constante em lágrimas.

Um dia desejou ser tão bela como a vitória-régia.

Debruçou-se à beira do rio e contemplou
a flor horas a fio, dias a fio. Olhava-a e esperava tornar-se como ela. E tanto chorou que acabou secando, o corpo fininho preso à margem, os dedos como raízes, os cabelos ao vento.
Então Ci, a deusa da floresta, que a tudo assistira de sua constelação, ficou com tanta pena dela que a transformou. E surgiu a Samambaia chorona.
       Tânia Diniz
(in O Mágico de Nós, contos curtos, 2ª. edição 1989, BH)

Una Leyenda
Era una chiquita de piel verdosa y hábitos singulares. Vagaba por la floresta siempre sola.
Le gustaba hamacarse en el bejuco, subir en los árboles y pelearse a los monos. Se colgaba en los despeñaderos de la orilla de los ríos para mirar la corriente y los peces. A veces su largo pelo tocaba el agua. Y lloraba siempre, por todo y por nada. Por un bicho pequeñito e interesante, por un buen juego, por la bella flor, por un arañazo en la espina, por que el sol se ponía, por la luz de la luna. El verde de sus ojos flotaba constante en lágrimas.

Un día anheló ser tan bella como la vitoria-regia*. Se inclinó sobre la orilla del río y contempló la flor por horas y horas, días y días. Y tanto lloró que su cuerpo secó como un hilo delgado preso a la orilla.
Sus dedos como raíces, sus cabellos al viento. Entonces Ci*, la diosa de la floresta, que todo vió, por ella se enterneció y la transformó. Y surgió la Samambaya llorona*.
 1.* vitoria-regia: planta del río Amazonas, muy bella.
2.* Ci : diosa del folclore brasileño.
3.* Samambaya llorona: un tipo samambaya, planta ormanental. Sus hojas cayen como lágrimas. Se dice Samambaya que llora.
                                                     
                                     Tânia Diniz
(in El Mágico de Nosotros, cuentos cortos, 2ª. edição 1989, BH, Brasil)

Regulamento

1º Concurso Internacional de Lendas e Poesia ME
O 1º. Concurso Internacional de Lendas e Poesia ME comemora o vigésimo primeiro (21º) ano de existência do mural poético Mulheres Emergentes, o sensual em cartaz, criado em 1989 pela poeta Tânia Diniz.

Regulamento:
Categoria Lendas:
1. Até 03 lendas inéditas, sob pseudônimo,
em português ou espanhol. Tema livre. Máximo de duas (2) laudas por lenda.

2.Enviar por anexos de e-mail e também por correios:
a. uma cópia de cada lenda, assinada com o pseudônimo.
b.dados pessoais, (nome, endereço, e.mail, telefax, profissão, RG, pequena biografia, etc), títulos dos textos inscritos, pseudônimo - em envelope menor, lacrado; lado externo, apenas pseudônimo e nome da obra.

3.a. Inscrições abertas de 20 de abril a 30 de junho de 2010, valendo a data do carimbo postal. Encaminhar envelopes para a Redação; R. José Viola, 88 –CEP 30411-370, Belo Horizonte, MG, Brasil. Telefax (31) 33 32 21 11; e.mail: concursodelendasME@gmail.com
b. Taxa de inscrição de R$20,00 para o Brasil ou 10euros ou 10dólares, para o exterior.Aceita-se mais de uma inscrição por autor desde que com outro pseudônimo e outra taxa de inscrição .

4. A premiação constará de três (3) primeiros lugares que terão a publicação em Edição Especial do mural ME junto aos cinco finalistas classificados e um prêmio surpresa ao 1º colocado.

5.A Comissão Julgadora será composta de 03 membros altamente qualificados e suas decisões são definitivas e irrecorríveis.

6. Os originais não serão devolvidos. A inscrição vale pela aceitação de todos os itens deste regulamento e cessão de direitos para eventual publicação.

7. O resultado será anunciado em agosto de 2010, mês do folclore, no Brasil.
Categoria Poesia:
1. Até 03 poemas inéditos, sob pseudônimo,
em português ou espanhol.  Tema livre.  Máximo de uma (1) lauda por poema.

2.Enviar por e-mail e também por correios:
a. uma cópia de cada poema, assinado com o pseudônimo.
b.dados pessoais, (nome, endereço, e.mail, telefax, profissão, RG, pequena biografia,etc), títulos dos textos inscritos, pseudônimo - em envelope lacrado; lado externo, apenas pseudônimo e nome da obra.

3.a. Inscrições abertas de 20 de abril a 30 de junho de 2010, valendo a data do carimbo postal. Encaminhar envelopes para a Redação; R. José Viola, 88 –CEP 30411-370, Belo Horizonte, MG, Brasil. Telefax (31) 33 32 21 11; e.mail: concursodelendasME@gmail.com
b. Taxa de inscrição de R$20,00 para o Brasil ou 10euros ou dólares, para o exterior.Aceita-se mais de uma inscrição por autor desde que com outro pseudônimo e outra taxa de inscrição .

4. A premiação constará de três (3) primeiros lugares terão a publicação em Edição Especial do mural ME junto aos cinco finalistas classificados e um prêmio surpresa ao 1º colocado.

5. A Comissão Julgadora será composta de 03 membros altamente qualificados e suas decisões são definitivas e irrecorríveis.

6. Os originais não serão devolvidos. A inscrição vale pela aceitação de todos os itens deste regulamento e cessão de direitos para eventual publicação.

7. O resultado será anunciado em agosto de 2010.

Español:
El 1o. Concurso Internacional de Leyendas y Poesia ME conmemora el vigésimo primero (21º) aniversario de existencia del mural poético Mulheres Emergenes, o sensual en cartaz. (Mujeres Emergenes, lo sensual en cartel)
Fundado por la escritora Tânia Diniz en la ciudad de Belo Horizonte, en el estado de Minas Gerais, Brasil, es una publicación trimestral con formato tipo póster, que enfatiza lo femenino y lo sensual en las artes. Se halla en circulación dentro y fuera del país.
Reglamento:
Categoría Leyendas:

1. Hasta 03 leyendas inéditas, firmadas con seudónimo, recibidos en portugués o en español. Con tema libre. Máximo dos hojas, cada.

2. Enviar por anexos de e.mail y tanbién por correos:
a- Una copia de las leyendas , firmadas con seudónimo.
b- Los datos personales (nombre, dirección, e-mail, telefax, profesión, número de la identidad, pequeña biografia, etc), títulos de los trabajos que se presentarán bajo seudónimo, en sobre menor, lacrado, y el en su cara externa apenas el seudónimo y el título de la obra.

3. Las inscripciones están abiertas a partir del día 20 de abril hasta el 30 de junio de 2010, valiendo la fecha del sello postal. Los materiales se remitirán a la redacción del ME acompañados de R$20,00 (Veinte Reales), valor correspondiente a la tasa de inscripción; o 10 euros, o US$10, para extranjeros. Se acepta más de una obra por el mismo autor, siempre y cuando las presente con distintos seudónimos y tasa.
Dirección de la Redacción: R. José Viola , 88 - C.P. 30.411-370 Belo Horizonte - MG - Brasil
Telefax.: (31) 3332 21 11; y e.mail: concursodelendasME@gmail.com

4. El premio consistirá en tres (3) primeros clasificados serán publicados en Edición Especial del Certamen del ME con los cinco clasificados finales además de un prémio sorpresa para el primer colocado.

5. La comisión que integrará el Jurado estará compuesta por 3 miembros altamente calificados y sus decisiones será definitivas e irrevocables.

6. Los trabajos originales no serán devueltos. La inscripción vale a partir de la plena aceptación de todos los integrantes del presente reglamento y la cesión de los derechos para una eventual publicación.

7. El resultado será anunciado en el mes de agosto de 2010.

Categoría Poesia:
Mismas reglas y fechas,
excepto: cada poema, máximo de una hoja.

* * *
Queridos, espero a todos neste deasfio de criar lendas... vamos nos divertir, participem!